Bem Estar Dicas do dia a dia

Evite a propagação da COVID-19 com alguns passos

Evite a propagação da COVID-19
O número de infecção pelo novo coronavírus está voltando a crescer. Até que a vacina esteja disponível, é essencial manter alguns cuidados para evitar a COVID-19. Embora seja necessário ter muita dedicação, alguns passos simples podem ajudar a controlar a propagação da doença.

É possível evitar a propagação da COVID-19 com alguns passos. Ter consciência e responsabilidade é o primeiro passo para criar um hábito, e são esses hábitos que podem aumentar a proteção da sua saúde e da sua família.


Lavar as mãos com frequência e evitar aglomerações são cuidados essenciais para evitar o crescimento da pandemia do novo coronavírus. Mas tem muito mais o que podemos fazer. Vamos relembrar?  Compartilhe as dicas com seus familiares e amigos.

1. Lave as mãos sempre que puder

O primeiro passo não poderia ser outro. Lavar as mãos com frequência é fundamental para evitar a propagação da COVID-19. Utilize água limpa e sabão para lavar as mãos por pelo menos 2 minutos. Higienize bem os dedos, dorso e palma das mãos, punho e embaixo das unhas. É importante enxaguar com água correte. Clique aqui e veja como lavar as mãos corretamente.

2. Evite tocar seus olhos, nariz e boca

Olhos, nariz e boca são conhecidos como portas de entrada para microorganismos no corpo, como vírus e bactérias. É por isso que evitar tocar o rosto é tão importante para controlar a propagação da COVID-19. Sabemos que é difícil conter o impulso de levar as mãos aos olhos, nariz e boca, mas tente se policiar para diminuir a frequência com isso acontece. Esse passo simples reduzirá o risco de infecção, não só pelo novo coronavírus, mas por outros microorganismos.

Leia também: Como guardar os sapatos para prevenir o mau cheiro?

3. Ao tossir ou espirrar, cubra a boca e o nariz

Também conhecido como “etiqueta da tosse” ou “higiene respiratória”, o gesto de cobrir o nariz e boca ao tossir ou espirrar é fundamental para evitar a propagação da COVID-19. Aqui é importante ressaltar que lenço de pano não é recomendado. O ideal é utilizar lenço descartável de papel, jogando-o no lixo imediatamente após uso. Na falta deste item, cubra a boca e o nariz com a antebraço. Se possível, ao notar que irá tossir ou espirrar, se afaste pelo menos 2 metros das outras pessoas.

Evite a propagação do covid 2
COVID-19: evite aglomeração

4. Evite sair sem necessidade e fuja de aglomerações

Se puder, fique em casa. Evite festas, bares, academias e todos os tipos de aglomeração. Mas se precisar sair, tome todas as medidas de segurança, como:

  • Utilizar uma máscara de forma correta
  • Ter com você um pouco de álcool em gel
  • Manter pelo menos 2 metros de distância das demais pessoas.

Sabemos que muitas vezes não é possível aderir ao distanciamento social ficando em casa. Isso pode acontecer com inúmeras pessoas por diversas razões, como trabalho e tratamento médico. Nestes casos, os cuidados devem ser redobrados.

5. Ao notar febre ou tosse pratique o isolamento

Febre e tosse são os dois principais sintomas da COVID-19. Por isso, é tão importante que ao identificar esses sinais a atenção seja reforçada. Procure manter uma distância física segura entre pessoas com sintomas respiratórios e pessoas sem sintomas de COVID-19. Caso não seja possível, tome todas as medidas de segurança, como uso de máscara e luvas, evitar o contato com fluidos corporais, não compartilhar objetos pessoais e talheres, entre outros.

Veja Também  Dicas para você que já mora ou vai morar sozinho

6. Saiba quando procurar ajuda médica

A procura por atendimento de emergência em pronto-socorro voltou a crescer. Mas quando ir ao hospital é a melhor opção? Você pode e deve procurar ajuda médica quando julgar necessário, mas há dois sintomas que não devem ser ignorados: tosse persistente, febre e/ou dificuldade para respirar. Muitas operadoras de plano de saúde disponibilizaram para seus clientes a telemedicina, consulta médica por chamada de vídeo. Assim, você recebe atendimento de saúde sem precisar se expor a riscos desnecessários. Caso você tenha um plano de saúde, informe-se com sua operadora.

7. Busque informações em fontes confiáveis

A pandemia do novo coronavírus fez do ano 2020 um momento de muita tensão. A situação fica ainda pior quando adicionamos a crise de saúde informações falsas sobre a COVID-19. Por isso, é fundamental que você busque informação de forma frequente, mas moderada, com fontes confiáveis. Sempre que receber um conteúdo no seu celular se pergunte de onde vem aquela informação e verifique se outras fontes confirmam aquela notícia.

★ Deixe seu like:

Classificação / 5. Votos:

Comentar

Clique para Comentar!

Newsletter

Contrate uma Helper

UmHelp - Diaristas

Publicidade